Parcele sua compra em até 6 vezes no cartão de crédito. Visa card MasterCard Black card American Express Black card

Roma em junho: itinerários, conselhos, coisas para fazer...

Roma em junho está repleta de atividades e festivais. Com a chegada do verão, a Cidade Eterna apresenta suas melhores roupas para que todos os seus visitantes possam desfrutar de seus festivais, gastronomia, cultura e monumentos.

Ana Caballero

Ana Caballero

Leitura de 9 minutos

Roma em junho: itinerários, conselhos, coisas para fazer...

Abertura do Coliseu Romano em grande estilo | © Giorgio

Um velho ditado romano afirma que Roma, non basta una vita per scoprirla, ou seja, "Uma vida não é suficiente para descobrir Roma". Entretanto, os visitantes devem selecionar o que querem ver para aproveitar ao máximo seu tempo na cidade.

Aqueles que tiverem a sorte de viajar em junho desfrutarão de um clima ainda não muito quente, perfeito para passear pela capital italiana. Além disso, os dias estão ficando mais longos e os romanos estão tomando as ruas para desfrutar das atividades que marcam essas datas. Entre os mais conhecidos estão a celebração do Dia da República, a festa de São Pedro e São Paulo e a grande festa da Fazenda Romana.

1. Festa da República

Desfile Militar na Festa da República| ©Rich Bartell
Desfile Militar na Festa da República| ©Rich Bartell

Se você estiver em Roma no dia 2 de junho poderá assistir a uma das celebrações mais importantes de todo o país: a Festa da República. Ao longo do dia, muitas atividades são realizadas em toda a cidade.

O mais popular é sem dúvida o grande desfile militar que percorre algumas das ruas, mas se você não é fã deste tipo de desfile você também pode aproveitar as atividades culturais e gastronômicas que acontecem nesta data.

Na tarde de 2 de junho você pode visitar gratuitamente os jardins do Palácio Quirinal, uma das residências oficiais do Presidente da República. Além da beleza dos próprios jardins, durante a visita você pode ouvir música executada por várias bandas militares.

Entretanto, tenha em mente que, por ser feriado, os bancos e muitos museus estão fechados neste dia. Além disso, as grandes multidões nas ruas romanas podem dificultar a procura de um lugar para comer. Se você precisar de ajuda, aqui está um artigo com os melhores restaurantes de Roma.

Reservar uma visita gastronômica a Roma

2. Dia de São Pedro e Paulo

Vista da Basílica de São Pedro| ©Michał Kostrzyński
Vista da Basílica de São Pedro| ©Michał Kostrzyński

Do lado religioso, missas especiais são celebradas neste dia na impressionante Basílica de São Pedro no Vaticano e na não menos interessante San Paolo Fuori Le Mura. A primeira dessas massas é aberta ao público, embora seja aconselhável reservar com antecedência. Se você não conseguir encontrar um bilhete, poderá sempre assistir à cerimônia em uma tela na Praça de São Pedro.

Essas massas não são os únicos eventos que acontecem no dia. Possivelmente o mais espetacular é a exibição de fogos de artifício que ocorre durante a noite. A própria história dos fogos de artifício merece uma menção à parte: eles foram criados por Michelangelo e, em seus primeiros anos, aconteceram em Castel Sant'Angelo.

Sua fama cresceu a tal ponto que visitantes de toda a Europa se reuniram em Roma para observá-los. O melhor lugar para assistir aos fogos de artifício é a Piazza del Popolo. Certifique-se de chegar lá a tempo de encontrar um lugar.

Por outro lado, é bastante comum que os romanos aproveitem este dia para fazer uma pequena excursão. Aqui estão algumas das excursões mais interessantes ao redor de Roma, caso você queira imitar os locais.

Comprar ingressos para a Basílica de São Pedro

3. Corpus Domini

A Basílica de São João em Roma| ©Cristian Martinez
A Basílica de São João em Roma| ©Cristian Martinez

Esta festa não tem data fixa, pois é celebrada 60 dias após a Páscoa. Os católicos dedicam este dia a honrar a Santa Eucaristia e as principais missas acontecem no próprio Vaticano.

No mesmo dia, uma procissão acontece da Basílica de São João até Santa Maria Maggiori e é conduzida pelo próprio Papa.

Muitas cidades na Itália comemoram este dia criando a chamada infiorata, um lindo tapete de flores. Se você quiser vê-lo, tudo o que precisa fazer é ir para o sul da cidade, para a cidade de Genzano.

Uma das conseqüências deste festival é o enorme número de pessoas que se reúnem no Vaticano. Por esta razão, provavelmente não é o melhor dia para visitar os monumentos lá.

Pelo resto dos dias, lembre-se que é interessante estudar as opções oferecidas pelo Cartão Omnia e o Cartão Roma, dois cartões turísticos de Roma que permitem o acesso ao Vaticano e a outros monumentos a preços reduzidos.

Reservar bilhetes para o Vaticano

4. Propriedade Romana

Castel Sant'Angelo faz parte da Herdade do Festival Roma| ©Diego Albero Román
Castel Sant'Angelo faz parte da Herdade do Festival Roma| ©Diego Albero Román

A fazenda Romana é o grande festival de verão de Roma. As atividades acontecem de junho a setembro e vão de concertos a feiras de livros, apresentações de dança e inaugurações noturnas de museus.

Todas estas atividades são uma grande atração tanto para os locais quanto para os visitantes, especialmente durante o mês de junho, quando as temperaturas ainda são mais baixas. Algumas das opções mais interessantes que podem ser encontradas em Roma durante estas datas são as seguintes:

  • Os concertos ao ar livre organizados pelo Teatro dell'Opera. Especialmente valiosas são as realizadas nos banhos de Caracalla.

  • Festival Invito alla Danza, realizado na Villa Massimo.

  • Noites musicais em Castel Sant'Angelo.

  • Música e teatro no teatro romano de Óstia Antica

  • Os concertos na Villa Adriana

5. Lungo il tevere

Festival Lungo il tevere| ©Stefano Costantini
Festival Lungo il tevere| ©Stefano Costantini

Lungo il Tevere (Ao longo do Tibre) é outro dos festivais de verão de Roma. Neste caso, como o nome sugere, as atividades ocorrem nas margens do rio que atravessa a cidade.

A visita a este festival encantará os amantes da gastronomia, do artesanato e da música ao vivo. As crianças também têm seu lugar, pois há alguns jogos dedicados a elas e outras atividades infantis.

As atividades acontecem no lado oeste do Tibre. Para chegar à área onde as atividades acontecem, é preciso descer as escadas que levam à costa e há um acesso especial de cadeira de rodas na Lungotevere Ripa.

A área do rio desde Ponte Sublicio até Ponte Sisto está repleta de bares, restaurantes, exposições de arte e lojas de artesanato. Como se isso não fosse suficiente, você pode desfrutar de vistas de tirar o fôlego das cúpulas iluminadas da cidade.

Dica do Viajante Joaquín

Imitar os romanos, parando durante a noite em um dos quiosques que vendem um suco de frutas lamacento chamado pica grattacheccha.

6. Festa de San Giovanni

Atividades da Festa de San Giovanni| ©vicariatusurbis
Atividades da Festa de San Giovanni| ©vicariatusurbis

Embora tenha perdido importância por alguns anos, a celebração da festa de São João, em 24 de junho, nas proximidades da Basílica de São João de Latrão, está agora sendo reavivada. Neste dia, o bairro recebe um grande número de visitantes que apreciam especialidades como a porchetta e os caramujos.

Mais tarde, quando a noite cai, a praça é iluminada com tochas, concertos são realizados e fogos de artifício são disparados.

Originalmente, este festival era um dos principais festivais em Roma e começou durante a chamada "noite das bruxas", dos dias 23 a 24. Segundo a lenda, quando a escuridão chegava, as bruxas saíam para as ruas para tentar capturar almas.

Todos os romanos também iriam para as ruas, com lanternas e tochas, e iriam para a Basílica de São João de Latrão. Lá eles rezaram ao santo e comeram caramujos nas pousadas. Durante essas horas, toda Roma irromperia no ruído de tambores, fogos de artifício e sinos, numa tentativa de assustar as bruxas.

7. Isola del Cinema

Preparando o Festival| ©Larry Koester
Preparando o Festival| ©Larry Koester

A partir de meados de junho, um festival de cinema acontece e dura até setembro por cerca de 80 noites. As exibições acontecem na Ilha Tiber, o que dá ao evento seu nome.

Uma das atrações deste festival é que todos os filmes (italianos e estrangeiros) são exibidos em salas de cinema ao ar livre. Prova do sucesso desta atividade são os 250.000 visitantes, tanto turistas quanto moradores locais, que compareceram em 2019.

Este atendimento maciço faz com que seja aconselhável comprar ingressos, que custam cerca de 6 euros, com antecedência.

8. All'Ombra del Colosseo Festival

Vista lateral do Coliseu| ©Den Harrson
Vista lateral do Coliseu| ©Den Harrson

A combinação de um dos monumentos mais famosos e admirados do mundo com entretenimento noturno é algo a que poucos conseguem resistir. Assim, todo verão, Roma oferece a possibilidade de aproveitar suas noites no festival All'Ombra del Colosseo.

O festival acontece entre junho e setembro, no meio do verão romano. Nestas noites de verão, visitantes e moradores locais podem encontrar todos os tipos de atividades: restaurantes, shows de comédia, acesso a piscinas no telhado, bares, etc.

No total, a All'Ombra del Colosseo oferece cerca de 950 desempenhos. Além disso, durante eles você pode apreciar a gastronomia italiana, tanto a mais tradicional quanto a mais moderna.

Entretanto, o que realmente diferencia All'Ombra del Colosseo é sua localização: bem ao lado do Coliseu. Este maravilhoso cenário dá o toque final a todas as atividades que ali acontecem.

Se depois de ver estes shows você estiver convencido de que deve entrar no Coliseu para ver o interior, lembro que é melhor comprar seus ingressos com antecedência.

Comprar ingressos para o Coliseu

9. Aproveite os parques no seu melhor

Pôr-do-sol no Giardino degli Aranci| ©Mark Radford
Pôr-do-sol no Giardino degli Aranci| ©Mark Radford

Roma é bem conhecida por sua herança clássica e renascentista. Quase todos associam a cidade com suas igrejas, fontes, restos romanos e praças, mas a cidade também tem belos jardins para passear, como os que você pode ver neste artigo sobre os melhores parques de Roma.

Junho é um dos melhores meses para se perder em seus espetaculares jardins, tais como os da Villa Borghese. Aqui você encontrará um pequeno zoológico, um lago, uma área de lazer para crianças e, claro, a famosa Galeria Borghese.

Outro lugar interessante para aqueles que procuram algum tempo tranqüilo longe da azáfama de Roma é o Jardim Botânico de Roma, localizado em Trastevere. Se você quiser aproveitar a oportunidade para ver a vizinhança, este artigo sobre o que ver e fazer no Trastevere pode ser de seu interesse.

Por outro lado, junho é também o mês em que o fantástico Jardim das Rosas, localizado no morro Aventine, está no seu melhor. Você não apenas desfrutará das rosas e da tranqüilidade, mas também das vistas de tirar o fôlego dos palácios de Roma.

Comprar ingressos para a Galeria Borghese

10. Desfrute de Roma à noite

Visitando Roma à noite| ©Anelale Najera
Visitando Roma à noite| ©Anelale Najera

Os romanos, como muitos povos mediterrâneos, tentam evitar o calor do dia e concentrar grande parte de seu tempo livre à noite. Por esta razão, junho é o mês ideal para desfrutar de Roma à noite.

Passear pelas famosas praças de Roma durante as noites de junho é um dos grandes prazeres que os visitantes encontrarão na cidade. Além disso, alguns dos monumentos mais importantes, como o Castel San'Angelo e o Coliseu, estão abertos em certos dias para visitas noturnas.

Se você não quer perder Roma à noite, mas prefere fazê-lo com um guia, há passeios noturnos que lhe permitem contemplar as maravilhas da Cidade Eterna quando o sol se põe.

Reserve uma visita noturna a Roma

Temperaturas de junho em Roma

Noite chuvosa em Roma| ©Gabriella Clare Marino
Noite chuvosa em Roma| ©Gabriella Clare Marino

O clima em Roma em junho ainda não atingiu as altas temperaturas características do verão. As máximas médias estão entre 27°C e 29°C, enquanto as mínimas se situam na faixa de 17°C a 18°C.

Por outro lado, a chuva pode aparecer na capital italiana durante o mês de junho, pois a média histórica indica que geralmente há cerca de 10 dias de chuva na cidade.

A melhor maneira de ter certeza do tempo durante sua visita a Roma é visitar esta página de previsão do tempo alguns dias antes de sua partida.

O que usar ao visitar Roma em junho

Organizando sua bagagem| ©Vlada Karpovich
Organizando sua bagagem| ©Vlada Karpovich

Como eu disse, é sempre aconselhável verificar o tempo antes de iniciar sua viagem. Em geral, se você estiver viajando para Roma em junho, você deve trazer roupas leves e frescas, embora nunca doa incluir um jumper fino ou roupas similares no caso de ficar um pouco frio demais para seu gosto.

É também essencial que você use sapatos confortáveis, pois Roma é uma cidade ideal para longas caminhadas.

multidões turísticas em Roma, em junho

Praça Campi de Fiori| ©Wikimedia
Praça Campi de Fiori| ©Wikimedia

Já há alguns anos, o conceito de alta temporada em Roma se tornou muito diluído. Agora é comum encontrar um grande número de visitantes durante todo o ano, inclusive nos meses mais frios do inverno.

Entretanto, isto não impede que o verão continue sendo a estação turística mais movimentada da cidade. Neste sentido, o mês de junho é considerado o início da temporada de verão, embora sem as multidões de julho e agosto.

Os festivais que mencionei anteriormente significam, entretanto, que as ruas da cidade também estão cheias de romanos e italianos de outras cidades, portanto é normal encontrar grandes multidões nas áreas mais turísticas.

Tradicionalmente, os preços dos hotéis e outros serviços turísticos começam a aumentar em junho, devido à alta demanda. Portanto, se você está planejando visitar Roma neste momento, é essencial organizar suas atividades e reservar sua acomodação com bastante antecedência.