Parcele sua compra em até 6 vezes no cartão de crédito. Visa card MasterCard Black card American Express Black card

Dicas para conhecer o Palácio de Versalhes e aproveitar ao máximo sua visita

Tome nota destas dicas para desfrutar desta visita imperdível em Paris. Bon voyage!

Ana Caballero

Ana Caballero

Leitura de 10 minutos

Dicas para conhecer o Palácio de Versalhes e aproveitar ao máximo sua visita

Palácio de Versailles | ©Gary Todd

O palácio e os jardins de Versalhes estão localizados perto de Paris. Tanto o edifício quanto seus arredores são tão impressionantes que hoje é um local obrigatório (tem aproximadamente 15 milhões de visitantes por ano) e foi declarado Patrimônio Mundial da Humanidade.

Neste post eu lhe dou as dicas que você precisa seguir para evitar contratempos e desfrutar ao máximo de sua viagem.

1. Se você vem de Paris, contrate um tour organizado

Paris RER| ©Rob Dammers
Paris RER| ©Rob Dammers

Se sua visita a Versalhes é uma curta viagem de Paris, você pode reservar uma excursão organizada.

Esta é uma opção muito conveniente, pois permite economizar tempo na organização do transporte e na decisão do que ver, ao mesmo tempo em que conta com a ajuda de um guia especializado. Com eles você não vai perder nada: a história, as anedotas... Você vai deixar Versalhes com uma idéia completa do lugar.

Há várias opções para escolher: eu lhe direi as coisas mais importantes sobre cada uma delas para que você possa decidir qual delas se adapta melhor à sua viagem.

Reserve uma visita a Versalhes

Passeio de transporte público desde Paris

O local de Versailles fica próximo à capital, a viagem leva menos de uma hora e é servida por transporte público. Você pode pegar o trem (RER) acompanhado por um guia que encontra turistas no centro de Paris e uma vez em Versalhes conta tudo sobre a história do local ao longo do trajeto.

Uma coisa que eu gosto nesta opção é que ela é muito conveniente (você não precisa verificar os horários ou acompanhar as paradas), mas você também tem tempo para viver sua própria experiência: quando você chega ao palácio, o guia permite que você explore por conta própria e aproveite os arredores como quiser.

Depois de contar a você as entradas e saídas da história, você pode terminar o passeio por conta própria e ficar o tempo que quiser. Agora você sabe qual trem tomar em sua viagem de retorno.

  • Duração: Aproximadamente 4 horas.
  • Preço: a partir de 55 euros.
  • Transporte: Trem.
  • Alimentos incluídos: Não. Você pode comer no local ou trazer sua própria comida.

Tour privado de Paris

Se você preferir viajar em veículo particular, você pode escolher uma visita guiada mais abrangente. Esta segunda opção tem um ônibus que pega os viajantes em Paris e os leva diretamente ao Palácio de Versalhes, onde o guia conta a história não só do palácio, mas também dos jardins.

O preço inclui admissão, transporte e atividade do guia durante o dia inteiro. Se você não tiver tempo para preparar a visita por conta própria, esta é uma opção muito confortável e completa.

  • Duração: Aproximadamente 7 horas.
  • Preço: a partir de 75 euros.
  • Transporte: Ônibus privado
  • Almoço incluído: Não. Você pode escolher onde quer comer em Versalhes ou trazer sua própria comida e fazer um piquenique nas áreas de piquenique.

Reserve uma visita a Versalhes

2. Aproveite o Paris Pass

Passe de Paris| ©ViajandoDescubre
Passe de Paris| ©ViajandoDescubre

Uma terceira opção para viajar de Paris para Versalhes é aproveitar a entrada do palácio incluída em seu Passe de Paris. Neste caso, você não terá que pagar a taxa de entrada, mas terá que pagar a viagem de volta e o almoço.

Se você escolher esta terceira opção, recomendo baixar o aplicativo do Palácio de Versalhes, para que você possa chegar com todas as informações necessárias para desfrutar de sua visita (eu lhe conto tudo sobre este aplicativo na dica número 7).

Reserve seu Passe de Paris

3. Se você estiver por conta própria, reserve seu bilhete com antecedência

Flores e Árvores| ©Gary Todd
Flores e Árvores| ©Gary Todd

O Palácio de Versalhes é uma atração turística muito popular. Aconselho-o a comprar seu bilhete para o Palácio com antecedência. Você pode comprá-los com antecedência ou na bilheteria, embora se você planeja fazer isso, esteja ciente de que pode haver uma fila muito longa. Recomendo que você não passe seu dia em Versalhes desta maneira e compre seu bilhete com antecedência.

No primeiro domingo de cada mês da alta temporada (maio a setembro), a entrada no Palácio é gratuita, mas mesmo assim, reservar seu bilhete com antecedência é uma obrigação.

Meu conselho é que, se você puder encaixar as datas, escolha outro dia para visitar o Palácio. Nestes domingos livres há tantos turistas que é difícil aproveitar tudo o que há para ver no Palácio de Versalhes, como um passeio pelo Salão dos Espelhos ou pelas coleções de pintura e escultura do museu.

O Palácio de Versalhes está aberto todos os dias, exceto às segundas-feiras. Os jardins e o parque estão abertos diariamente e podem ser visitados gratuitamente. Como são tão grandes, esta é uma visita gratuita que você pode aproveitar e desfrutar sem nenhum problema.

Reserve uma visita a Versalhes

4. Decida antes de sua viagem quanto tempo sua visita durará

Visitando os Jardins de Versailles| ©Dennis Jarvis
Visitando os Jardins de Versailles| ©Dennis Jarvis

Recomendo que você dedique pelo menos 4 horas à sua visita ao Palácio de Versalhes e aos jardins. Tenha em mente que o Palácio de Versalhes não é nem um único museu nem apenas um calçadão. É um dos maiores patrimônios culturais do mundo. Se você quiser passar 6 ou 7 horas lá, não vai se aborrecer.

Em sua visita você poderá desfrutar de mais de cem salas, das coleções de pintura e escultura do Museu de História da França, do Salão dos Espelhos, da capela real, da Galeria de Batalhas... e perder-se nos 30 hectares de jardins. O que eu quero dizer é que há muito para ver.

Por exemplo, aconselho-o a não perder os estábulos. Assim como as carruagens, você pode ver os carrinhos dos filhos de Maria Antonieta, ou seus trenós. É uma parte do site de Versalhes que pode passar despercebida ao lado da grandeza das outras salas do Palácio, mas é muito interessante.

Informações úteis

  • Horário de funcionamento: O palácio está aberto das 9:00 às 17:30 horas. Os jardins têm horários de abertura um pouco mais longos, das 8:00 às 18:00 horas.

5. Use os sapatos mais confortáveis que você tiver

Calçados confortáveis| ©MART PRODUCTION
Calçados confortáveis| ©MART PRODUCTION

É inevitável associar Versalhes com filmes da época, mas para visitar seus 787 hectares é melhor usar sapatos confortáveis, você não acha?

A visita ao Palácio dura hora e meia (embora eu recomendo que você lhe dê o tempo que merece e pare para apreciá-lo em seu próprio ritmo), além de um passeio pelo parque e jardins e uma viagem de volta a Paris.

Em resumo, uma visita a Versalhes ocupa o dia inteiro, e embora as dicas a seguir lhe dêem algumas dicas para ajudá-lo a descansar ou facilitar (tais como alugar um carro elétrico para visitar os jardins ou parar para um piquenique no parque), não deixe que sapatos desconfortáveis o impeçam de desfrutar deste cenário único.

6. Planeje seu almoço durante sua visita a Versalhes

Piquenique em Versailles| ©Viator
Piquenique em Versailles| ©Viator

É possível comer dentro do Palácio de Versalhes? É claro que é! E você tem várias opções que certamente irão ao encontro de suas expectativas. O preço reflete a situação desses lugares (é um pouco mais caro do que o que você encontrará fora), mas você pode comer algo simples a um preço razoável sem deixar o local.

Mas quando comer durante sua visita a Versalhes? Você pode organizar sua visita ao redor da entrada do Palácio, que tem tempo e duração definidos. Uma boa opção é visitar os jardins pela manhã, sentar-se para almoçar em um terraço ou em uma das áreas de piquenique e depois visitar o Palácio.

Aqui estão alguns lugares para comer no terreno, embora você também possa trazer comida de fora e comer a seu gosto.

Uma opção simples: La Brasserie de la Girandole

Nos jardins está a famosa Brasserie de la Girandole, com dois terraços onde você pode almoçar, tomar café da manhã ou um lanche.

Eles também oferecem comida para levar se você preferir sentar sozinho ou continuar passeando enquanto mata sua fome. Gostaria de dar uma olhada no menu?

  • Horário de abertura: terça-feira a domingo, das 10:00 às 18:00h.

Faça um piquenique em um ambiente único

Você também pode fazer um piquenique sozinho em qualquer lugar do parque (não nos jardins, lembre-se), exceto na área coberta. Você pode comer o que decidir trazer por conta própria nos jardins ou junto ao Canal. A melhor coisa sobre esta alternativa é a visão. Um lanche simplesmente não tem o mesmo sabor neste cenário.

Desfrute da cozinha de um chef em Versalhes

Entretanto, se você for um pouco gourmand ou quiser se satisfazer, você pode desfrutar do restaurante Ore, do chef Alain Ducasse, no Palácio de Versailles.

É uma opção mais cara do que as duas anteriores: por cerca de 60 euros você pode comer em um pavilhão do século 17.

Este restaurante está aberto de segunda a sexta-feira das 11h30 às 15h00 e nos fins de semana entre 9h00 e 17h00.

Aproveite!

7. Instalar o aplicativo Palace of Versailles

Visitando Versailles com a família| ©Dennis Jarvis
Visitando Versailles com a família| ©Dennis Jarvis

O aplicativo do Palácio de Versalhes é gratuito. Você pode baixá-lo em um tablet ou em seu telefone e obter um áudio guia para o palácio e jardins, assim como um mapa interativo de todo o site de Versalhes.

O audioguia está disponível em 12 idiomas (incluindo o espanhol) e você pode usá-lo offline, portanto é perfeito para a viagem a Versalhes.

Uma vez lá, ele pode ajudá-lo a decidir o itinerário: tem informações sobre coisas curiosas além da visita oficial, como as árvores do Trianon e dois audio tours para crianças (eles adaptaram a visita aos jardins e as fontes musicais para os pequenos).

É um recurso gratuito e muito útil para você aprender mais sobre a história do Palácio de Versalhes. Um luxo muito bem pensado que pode melhorar sua experiência de viagem. Eu o recomendo.

8. Pegue o Petit Train para um passeio pelos jardins

No Petit Train| ©Pablo C.M
No Petit Train| ©Pablo C.M

Se, apesar de seus sapatos confortáveis, você precisar fazer uma pausa de sua visita a Versalhes, aqui vai uma dessas dicas para lhe dar descanso e um respiro.

A organização facilita muito para você: os Petit Trains estão disponíveis para visitar os jardins. Este é um pequeno trem que o leva a fazer um passeio turísticopelos jardins.
trem que o leva em um passeio turístico pelos jardins, conectando os diferentes edifícios do passeio.

O Petit Train pára no Chateau, nos Trianons, no Canal e nos jardins. Você pode usá-los para ir de um lado para o outro e ver tudo o que há nos jardins de Versalhes: ou você pode sentar-se por um tempo e desfrutar da vista enquanto descansa um pouco.

Fatos interessantes

  • Horário: Os Petit Trains funcionam com muita freqüência, a cada 15 a 20 minutos. Você pode entrar e sair a seu bel-prazer.
  • Preço: Aproximadamente 8 euros. Inclui um guia áudio em 10 idiomas (sim, também em espanhol) a partir de 5 euros.
  • Rota: O trem vai do Terraço Norte do Palácio até o Petit Trianon. Em seguida, segue para o Grand Trianon e continua para a cabeça do Grand Canal.
  • É adequado para crianças? Claro! ver Versalhes com crianças é uma boa idéia.

9. Aproveite o espetáculo "Grandes Eaux Musicales"

Desfrutando do espetáculo| ©Yvon Maurice
Desfrutando do espetáculo| ©Yvon Maurice

Nos jardins do Palácio de Versalhes, todos os sábados do verão (do início de junho até o final de setembro), entre 20h30 e 23h05, há um incrível show de música e luz: Les Grandes Eaux ou "Grandes Águas Musicais".

As luzes são projetadas nas fontes dos jardins e bosques para iluminar este cenário único. Os jatos de água coreografados e os efeitos de luz são imperdíveis. A noite termina magicamente com uma exibição de fogos de artifício. É a maneira perfeita de apreciar a beleza dos jardins.

Aconselho que você verifique a previsão do tempo antes de reservar seu bilhete, pois os bilhetes custam aproximadamente 30 euros e não são intercambiáveis e não são reembolsáveis (mesmo que esteja chovendo muito naquela noite). Entretanto, é gratuito para crianças menores de 5 anos e há uma taxa reduzida para crianças menores de 17 anos e estudantes.

Informações úteis

-Tempo: Sábados à noite do início de junho até o final de setembro, entre 20:30 e 23:05.

  • Preço: O preço varia de acordo com o espetáculo, mas os ingressos estão disponíveis a partir de cerca de 25 euros.
  • É adequado para crianças? Sim, na verdade, é uma atividade especialmente recomendada para crianças.

10. Escolha o momento perfeito para sua visita

Palácio de Versailles| ©Travis Wise
Palácio de Versailles| ©Travis Wise

Visite Versailles no verão para desfrutar plenamente dos jardins e do cenário do Canal. A alta temporada na região de Paris é de maio a setembro. As temperaturas são agradáveis (entre 18 e 21 graus Celsius) e suaves, por isso é perfeito para passear e apreciar a paisagem aqui.

Além disso, esta é a única época do ano em que você pode desfrutar dos shows ao ar livre nos jardins, tais como os que mencionei na dica anterior.

Se você for no inverno, a temperatura média é de 6 graus Celsius. O norte da França é uma área fria, e muitos dos lugares para comprar algo para comer nos terrenos do Palácio de Versalhes estão fechados.

Isso não significa que a visita não valha a pena - de jeito nenhum! O interior do Palácio de Versalhes tem uma enorme riqueza cultural, de modo que você pode passar o dia inteiro visitando estas salas. Apenas a visita aos jardins será provavelmente mais curta, mas é uma perspectiva diferente sobre este lugar único.

Espero que você aprecie sua visita a um lugar tão incrível como o Palácio de Versalhes com estas dicas e tenha uma boa viagem!